Em parceria com o Estado, Prefeitura vai fazer reforma total do Galpão de Cereais e construir Galpão de Frutas e Verduras na Central de Abastecimento

Atendendo a uma solicitação do prefeito Joaquim Neto, e com o apoio do deputado federal Otto Filho, o Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR), garantiu recursos para obras de requalificação da Central de Abastecimento de Alagoinhas (CEAB).

Um dos espaços mais tradicionais da cidade, e importante entreposto comercial da região, o equipamento, construído em 1988, receberá um investimento na ordem de R$ 6 milhões, que vão ser utilizados na reforma completa do Galpão de Cereais, incluindo a troca do telhado, parte elétrica e piso, e a construção do Galpão de Frutas e Verduras.

“É mais uma solicitação antiga dos nossos feirantes e da comunidade sendo atendida. Essas obras vão gerar um grande impacto positivo tanto na economia da cidade, quanto no ponto de vista social. São centenas de permissionários que comercializam seus produtos, e de onde tiram o sustento de suas famílias, que terão mais qualidade de vida no trabalho, e milhares de consumidores e visitantes que terão um espaço mais seguro e confortável para as compras”, comemorou o prefeito Joaquim Neto.

Gestor da Secretaria Municipal da Agricultura (SEMAG), George Batista (Caboré) destaca a relevância econômica e social da CEAB. “A Central é nossa, mas atende toda a região, representando o maior polo de emprego e renda do Litoral Norte e Agreste Baiano, além de propiciar o fomento e a valorização da Agricultura Familiar, uma vez que é por onde eles escoam seus produtos”, pontuou o secretário. A  SEMAG é responsável pela Central de Abastecimento, e pela elaboração e execução dos projetos da reforma do equipamento apresentados à SDR.

Desde janeiro de 2017, início do primeiro mandato do prefeito Joaquim Neto, a gestão municipal, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura (SEMAG), tem trabalhado para trazer novas perspectivas para as vendas de quem comercializa os produtos na feira. Entre os avanços foram estabelecidos horário de abertura e fechamento dos portões, mais segurança, com a intensificação do policiamento, a construção do Galpão de Confecções, e mais melhorias trazidas pelo projeto “ A Central é Nossa”, por meio do qual comerciantes e consumidores vem sendo beneficiados com a intensificação dos mutirões de limpeza, manutenção na infraestrutura, retirada de materiais descartados, ordenamento do solo e setorização de barracas.

Fonte: SECOM/Alagoinhas
%d blogueiros gostam disto: